terça-feira, dezembro 7

UMA BELA CONFUSÃO

"...Não quero que aqueeele velhinho, leve toda a fama neste Natal!"

Mal sabia o marido que estava pisando em campo minado, ao proferir a frase e colocar em prática uma ideia... furada...
A intenção foi bonitinha, querendo adiantar para os filhotes alguns dos presentinhos que eles pediram ao Papai Noel, em suas cartinhas.
Foi tooodo prosa até a loja e eu fui incubida de entregar os brinquedos ao Theo e à Sô, na tarde de ontem.
Lá fui eu, porém....
- Eu queria que o Papai Noeeeeeeeeel desse pra mim... foi a primeira reclamação que ouvi (da Sofia), acompanhada de uma tromba da-quelas.
 O Theo não entendeu nada...Olhava o bico gigantesco da irmã e arregalava os olhos na tentativa de decifrar porque PRESENTE, foi igual a UMA TREMENDA CARA FEIA, naquele momento... Provavelmente ficou mega confuso com a artimanha do pai que, sorrateiramente, subtraiu (antes do tempo), a carta do bom velhinho de entre os galhos da árvore de natal...
Neste momento, nem toda minha experiência no campo da relação pais e filhos, nem meu arsenal de frases calmantes, associados a muita paciência foram suficientes para "abafar" a situação provocada por esse pai tão... audacioso (onde já se viu passar a  perna no Papai Noel?) e evitar algumas lágrimas.
Por outro lado  mãe é mãe e, mesmo sem saber, estamos  preparadas para todas estas armadilhas engraçadas, entre outras coisas, desde que começamos a gerar nossas crias. Quando pegamos os rebentos no colo, todo o resto acontece. Sabemos cuidar, limpar, alimentar, aquecer e proteger de tudo, é verdadeiramente instintivo; Como uma centelha mágica colocada ali pelo criador, apenas esperando o momento ideal  para cintilar e nos envolver a todos, especialmente em momentos críticos.
Como de costume, respirei. Consegui convencê-la de que o velho Noel havia concordado com tudo o que o papai tinha feito, liberando-o para dar alguns dos ítens da carta, e finalmente tive a sensação boa de que estava tudo apaziguado entre todos, presentes ali ou não. Ganhei uns olhares tortos, o Sandro umas caretas feias quando chegou, mas o mal entendido foi resolvido.

Saldo:
Não sei se foi ataque de bobeira ou corujice de pai, contudo sinto que aquela velha figura rechonchuda, de casaco e calças vermelhas, ainda levou a melhor (rs)...

Deixo  algumas imagens da Revista Crescer deste mês, que entre muitas dicas legais  -  presentes educativos,  spa para os kids, lidando com a birra (essa a gente precisa e muuuito)  -  traz uma super matéria: Como nos tornamos mães? Apontando o aumento de nossa sensibilidade e como nos preparamos para ser sempre a (o) melhor para os pequenos.


Fotos: Bárbara Wagner
Todas as imagens: Revista Crescer

Dar ao seu filho a certeza do seu amor incondicional mesmo quando as frustrações dele sejam provocadas por você. É, não é fácil. Mas essa é a sua maior prova de afeto e  o caminho para que ele aprenda a importância desse sentimento para sempre.

Revista Crescer

30 comentários:

Karina disse...

Oi Flor!!!

Que bom foi ler este post...estava tentada a agir como seu marido, pois também acho meio injusto que o bom velhinho leve toda a fama. Aqui em casa ele é o personagem do momento...tudo é o Papai Noel quem vai trazer...

Mas fazer o que...acho este universo maravilhoso, sempre fiz o possível para que o Bernardo acreditasse em coelhinho da Páscoa, Fada do Dente, Papai Noel...e lamentei tento quando ele percebeu que todos estes personagens fazem parte do nosso imaginário. Agora é a vez da Sofia, que está esperando um cachorrinho do Papai Noel, que ela vai passar a amar depois de ver seus desejos realizados e eu vou ficar muito feliz e enciumada, pois ele mais uma vez vai levar a fama...

Beijos para vocês e seus pequenos.

Mãe Mochileira,filho malinha.. disse...

Oi Mi!! hahaha..tadinhooo do papai( o que não é o NOel),fiquei com do aqui..cheio das boas intenções..rsrs...ainda bem que td no final se arrumou,hehehe!!
;-)
Menina,ainda não vi a crescer desse mes, vou ja la no site bizuiar,rsrs..
bjs,otima semana!!

Roberta M. disse...

Mi, eh o seguinte, meu filho tem 9 anos e ainda cre que quem tras o presente mais esperado eh o bom velhinho!!! Fico pasma com isso, mas deixamos ele curtir a festa, nao sei se ele realmente acredita ou prefere acreditar, mas que a magia que essa fantasia remete eh maravilhosa, ah isso eh rsss, pobre do papai regular rss, com certeza a intencao foi a melhor possivel!! Beijocassss

Malu disse...

Mi,


Tão bom receber sua visita !!!


Adoro seus posts ... :)
Já passei por essa situação , RsRs


BjO Grande !

Patrícia Boudakian disse...

Lindona, obrigada pelo comentário fofo. Eu estou amando de verdade estar grávida. Nasci pra isso. Fico emocionada quando pessoas como você me elogiam!!!!!!!!! Fez minha noite mais feliz.

Beijo enorme no seu coração!!!

=)

Mi Satake disse...

Amigos a coisa foi feia viu!
Puuutz, fiquei na maior saia justa, tendo q acalmar a brabeza da sofia e ainda limpar a barra do marido!
rsrsrs

Chica disse...

É tão lindo quando eles acreditam que tem o direito de querer o p.noel.rrs...beijos,tudo de bom,chica

S* disse...

Mesmo que amemos muito alguém vamos sempre magoar, nem que seja um bocadinho. E isso é complicado... mas com amor tudo se supera.

RECOMADRES disse...

Oi Mi,
Realmente é difícil competir com o Bom Velhinho...mas você sabiamente concertou tudo!!!
Parabéns amiga pelo jogo de cintura...algumas vezes também fiquei na maior "sinuca de bico" com situações parecidas com essa.
Você foi brilhante!!! Já pode ser ajudante de Papai Noel.
Beijos,
Cris João.

Di disse...

Hahaha não lembro quantos anos eu tinha quando achei que papai noel não existia, mas foi bem cedo devido a varios problemas que tivemos quando minha mãe adoeceu. Fala pro papai não ser ciumento que quando, se, eles deixarem de acreditar vai e ficar se sentindo culpado. Melhor ele assumir logo a calça vermelha e a barba branca e approveitar pra fazer parte da fantasia! :P

Micheli disse...

Hahaha! Sabe que aqui nem ficamos falando de papai noel (marido não gosta) e a pequena ainda não entende que ele "traz" presente. Mas inevitavelmente essa figura já chama a atenção dela (ainda mais depois de o "encontro" no shopping), assim como de qualquer criança. Eu não acreditei nele por muito tempo, que eu me lembre, mas faz parte da infância, nã é mesmo?
Nós aqui já adiantamos um presente, mas depois eu mesma me lamentei pois, apesar dela estar curtindo agora, seria mais legal ter um pacote a mais para abrir no dia do Natal. Agora já foi. rs.
Beijos.

adri disse...

QUE BOLA FORA...RSRSRS!!!!...MAS PAI E MÃE VIRA E MEXE PISAM NA BOLA, NO COMEÇO DESSE ANO FOI MINHA VEZ, AO MANDAR A YASMIN SEPARAR ALGUNS BRINQUEDOS PARA DOAÇÃO TIVE A SURPRESA DE ENCONTRAR NO MEIO DE TUDO A BONECA QUE O PAPAI NOEL TINHA DADO PRA ELA DOIS MESES ANTES...QUASE INFARTEI E SOLTEI A FRASE..(EU AINDA TÔ PAGANDO, SE TA LOUCA,ANDEI KINEM DOIDA ATRÁS DESSA BONECA...)A MENINA ME FUZILOU COM OS OLHOS (COMO É QUE É?PAPAI NOEL NÃO EXISTE?VOCÊ ME ENGANOU TODOS ESSES ANOS!?)(CALMA FILHA PAPAI NOEL EXISTE SIM SÓ QUE ELE TA LA NO POLO NORTE E A MAMÃE E O PAPAI ACHAM MELHOR COMPRAR O PRESENTE DE VOCÊS PRA ELE DESCANSAR UM POUCO ...TA TÃO VELHINHO ELE!!!HSHSHSHS)MAS ATÉ HOJE SE O ASUNTO FOR PAPAI NOEL ELA FECHA A CARA COMIGO NA HORA!!!

MIL BEIJOS MI!

Mi Satake disse...

hhahahahahah essa ficou mesmo pra historia dos causos engraçados dos Satake rsrsrs!

Um beijo grandão!

AC disse...

Mi,
Todas as crianças necessitam sentir o maravilhoso da vida para que cresçam em harmonia. A ideia de tentar apear o Pai Natal até pode ter nobres intenções, mas isso é tarefa para as crianças, que a seu tempo acabam por desmontar a situação. Em suma, tudo tem um tempo próprio para se manifestar.

Beijo :)

Estilo For Man disse...

Olá, gostei bastante do seu post. Adoraria que você passasse no meu blog, ele é novinho e é destinado ao público masculino veja que legal :D

http://estiloforman.blogspot.com

Passa mesmo

Juliana Dalzoto disse...

Oi Mi!
Tb gostei muito dessa reportagem da Crescer, tem muita coisa boa lá. E é vdd que ao nos tornarmos mães, aprendemos a lidar com situações embaraçosas como essa que vc descreveu aí na sua casa como ttas outras... simplesmente a idéia flui e a solução aparece neh?!

O que será que deu no papai hein?

Mas que bom que tudo ficou resolvido e o bom velhinho ainda se saiu bem ;)

Queria ter passado antes, mas não deu... vi que vc já viu selinho que deixei lá pra ti com todo o carinho! Espero que tenha gostado!

Beijo grande
Ju

Cantinho She disse...

Queridaaaaa que post MAIS FOFO, apesar da quase "atrapalhada"... kkkk Preciso confessar que me diverti aqui... Ahhh crianças são um barato!
Beijo, beijo!
She ;)

Tatiana disse...

hahahaha...valeu a intençao Mi... e posso imaginar o sufoco que passaram para explicar essa confusao..rs.
Dificil passar perna nessas crianças de hoje em dia!!!
Obrigada pelo seu carinho la no blog!!!
Beijocas e saudades, querida!!!

Regina Laura disse...

Mi querida!!
Mas que saia justa heim?..rsrsrs
Ai, como é bom ter crianças por perto né?
Amiga, agora estou bem melhor!
De volta à ativa com força total..rs
E olha, super obrigada pela força viu?
Tava precisando mesmo ;)
Beijão

Ana disse...

Hahahaha!
Mas querer disputar com o velhinho?
Ainda bem que mãe existe a mãe! Rs
Beijos!

Carla Pinheiro disse...

Oi Mi...

Que bacana e como vc escreve bem. Filho deixa a gente em cada saia justa heim...hihihihi

O meu então nem se fala e olha que já tô vendo que vou passar por isso.

beijocas.

Amanda Luna disse...

Oi mi, já estava com saudade de vc lá me fazendo uma visitinha...rss ainda bem que te encontrei hoje por lá!!!rss fiquei imaginando a tromba da Sofia e a carinha de duvida do Theo!!rss o que será que passa na cabeçinha das crianças né? acho que p/ ela não só o presente era importante, mas sim o presente "acompanhdo" do papai noel!!!rss mas ainda bem que a mamae existe para acabar com todos esses "problemões"rsss
beijão
www.sermulhereomaximo.com.br

Mi Satake disse...

Amigas, q carinho vcs por aqui.

Bom que só!

Beijos beijos!

Mika °° disse...

Oie Mi,

Estou rindo da situação! Eles ficaram frustrados e nem pensaram que ganharam alguns presentes antes do natal. Ainda bem que tudo foi resolvido. Infelizmente, o velhinho é o preferido pelas crianças... hahaha

Mi, o blog da Dani é super fofo, que bom que vc gostou.

Beijos querida,

ogatoquepesca.com

Livinha disse...

Mi,
Está nas mães esse poder de sempre encontrar a palavra certa, no momento certo, pra ajeitar tudo. Eles destrambelham e nós ajeitamos.

Qtos as fantasias. Adoro.
Minhas filhas assim foram criadas, acreditando nesse bom velhinho, que os enchia de encantos e tudo se tornava excitante na noite de natal.

O amor, sim ele permanece nesses coraçõeszinhos, quando recebem assistências e assistem o vigor desse sentimento presente nesses pais e entre eles.
Adoro tuas postagem, esta forma de nos levar o seio família, nas lições que muito se tem por dividir.

Lindo...

Bjs

Livinha

ValeriaC disse...

Adorei seu post querida... realmente nós mães temos que ter dom pra apaziguar os filhos, sempre...beijinhos e lindo dia...
Valéria

Minéia Pacheco disse...

Olá Mi,

É tão bom quando as crianças acreditam de verdade na chegada do Papai Noel, que bom que o mal entendido por aí foi resolvido rapidinho!!!
Ainda não recebi minha crescer deste mês! :(
Estou louca para conferir as novidades!!!


Beijão!

Anng disse...

Adoreei.
Beijos Mi;

Anne disse...

Ai Mi, que demora para eu chegar aqui, faz dias que estou tentando comentar...
o tal velhinho causa mesmo, com filhos e pais. No fim do ano a gente fica muito atrapalhex...
Pobre marido, por hora o velhote levou a melhor!
Mas com esse tanto de carinho, os filhotes em breve (e para sempre) vão reconhecer o esforço e paixão dos pais por eles (em breve leia-se quando eles tiverem seus próprios filhos, foi assim comigo!)
bjos!

Flávia - Compartilhando Idéias... disse...

Nossa Mi, que texto lindo.
Ou melhor, como você descrevu com emoção sua postura diante da ansiedade do seu marido!
Você teve muito jogo de cintura e conseguiu amenizar a situação.
Contei essa história para o meu marido e ele deu muita risada. Ele disse: "Ahhh, eu vou fazer isso também quando tivermos filhos".
E eu disse: "Não vai não!!!" kkkk

Bjs

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...